MJFanForum
Cadastre-se agora no fórum com verdadeiro amor ao Rei e Anjo Michael Jackson! Material exclusivo e atualizado diariamente! Já nos conhece? Então faça o login e aproveite!

Depois da condenação, Murray enfrenta mais problemas com a justiça

Ir em baixo

Depois da condenação, Murray enfrenta mais problemas com a justiça Empty Depois da condenação, Murray enfrenta mais problemas com a justiça

Mensagem por Ana Rosa Jackson em Qui Nov 17, 2011 4:23 pm

A pena de prisão não é o único problema iminente para o médico condenado pela morte de Michael Jackson. Ações judiciais, problemas de licenciamento médico e eventuais pagamentos à família Jackson o esperam.

Algumas das questões estavam suspensas desde que o Dr. Conrad Murray foi acusado de homicídio culposo, em fevereiro de 2010, e seus os advogados, até agora, rechaçaram as tentativas de se impedir que o mesmo exerça a medicina.

Agora, com o veredito de culpado, serão acelerados os esforços para manter a responsabilidade civil de Murray em tribunais, bem como está praticamente garantido o cancelamento de sua licença médica.


O médico com sede em Houston, está sendo processado pelo pai de Jackson, envolvido em uma briga com a empresa de seu seguro por negligência médica, podendo ser condenado a pagar a restituição para a família Jackson, quando for anunciada sua sentença por homicídio culposo, em 29 de novembro.

Mas Murray não irá calmamente. Seu advogado civil, disse que, se os processos continuarem, eles vão mergulhar em um território inexplorado durante o julgamento criminal do médico de seis semanas, incluindo a possível culpa de outros médicos. Sua equipe de defesa também analisa as opções de Murray abandonar sua licença médica no Texas , com o objetivo de tentar retomá-la dentro de um ano.

Brian Oxman, que representa Joe Jackson em um processo legal de morte por negligência contra Murray, disse que seu caso civil "com certeza vai se concentrar nos acontecimentos que antecederam as últimas horas da vida de Michael."

Oxman também está trabalhando com o advogado de Murray, Charles Peckham, para eventualmente expandir o caso e incluir outros médicos que trataram de Jackson, ou seja, o dermatologista Arnold Klein.

"Estamos procurando maneiras de ampliar o alcance deste processo para todos aqueles que são realmente responsáveis pela morte de Michael Jackson", disse Peckham.

Advogados criminais de Murray freqüentemente mencionaram Klein para os jurados e apresentaram provas sobre os tratamentos á base de Demerol, que Klein aplicou em Jackson nos meses antes da morte do cantor, mas um juiz bloqueou o dermatologista de depor.

Peckham disse que algumas das decisões do juiz da Corte Superior, Michael Pastor, que tinham a intenção de manter o foco nos cuidados de Murray a Jackson ,". limitaram severamente os depoimentos, que sinalizariam a inocência do Dr. Murray"

"Há provas substanciais que embasam a crença de que a insônia de Michael Jackson naquela época, era resultado do uso excessivo de Demerol em Michael Jackson", disse Peckham.

Demerol não foi encontrado no corpo de Jackson quando ele morreu, mas um especialista em defesa, disse aos jurados no caso criminal, que alguns dos sintomas de abstinência da droga são similares aos causados pelo uso do anestésico propofol, o que matou Jackson.

Murray disse que ele estava tratando o superstar pop com propofol, para que ele pudesse dormir enquanto se preparava para uma série planejada de shows.

Advogado de Klein, Garo Ghazerian, não retornou a uma mensagem de telefone para comentar o assunto.

"Isso é algo como uma denúncia-cruzada", disse ele. "Isso é algo como um processo frívolo. Espero que eles estejam familiarizados com essas noções, antes de agir contra Dr. Klein."

Ghazarian, um advogado de defesa criminal que representou Klein durante o julgamento de Murray, disse que o dermatologista se defenderá vigorosamente se acusado em um processo civil.

"Eu acho que você não precisa ser um advogado para somar dois e dois", disse Ghazarian. "Eles querem jogar a sujeira em todas as direções, exceto olhando para si mesmos."

Os advogados de Murray estão planejando um apelo de sua condenação penal, que continua preso sem direito a fiança até a sua sentença. Nessa audiência, os promotores poderiam solicitar a restituição para a família Jackson, embora sua mãe e as crianças já estão recebendo milhões como apoio do espólio do cantor desde o seu falecimento.

As perspectivas de se receber dinheiro de Murray são incertas, pois ele nunca foi pago por seu trabalho com Jackson e está sendo perseguido por credores. Não se sabe quanto dinheiro Murray recebeu ou virá a receber pelo projeto de documentário que foi ao ar na MSNBC.

"Como um criminoso condenado, ele não está autorizado a lucrar com seu crime", disse Oxman. "A família tem o direito de receber os fundos."

O documentário foi vendido às empresas de radiodifusão em vários países e já foi televisionado na Grã-Bretanha.

Murray tem lutado com a sua seguradora de imperícia, a Medicus Insurance Co., em um tribunal de Houston desde agosto de 2010. A Medicus está pedindo a um juiz para definir que ela não é responsável pelo pagamento de qualquer uma das contas legais de Murray em suas lutas com vários conselhos de medicina, o processo de Joe Jackson ou a sua defesa criminal. O caso estava suspenso até depois do julgamento criminal.

Peckham disse que a apólice adquirida um mês antes da morte de Jackson deve cobrir as despesas legais de Murray.

A condenação de Murray deve significar um fim à sua carreira médica, embora Peckham diga que esforços estão sendo executados para proteger uma clínica de Houston fundada em homenagem ao pai de Murray.

"Estamos trabalhando para ter certeza de que os pacientes do Dr. Murray terão o mesmo tipo de cuidados de saúde estrelar que eles têm com Dr. Murray", disse Peckham.

O advogado reconheceu que a licença médica de Murray será suspensa, de acordo com informações de um porta-voz do Conselho de Medicina do Texas.

Peckham disse que está estudando a viabilidadede Murray poder concordar com uma revogação de sua licença para permitir que ele exerça a medicina futuramente, pois a lei do Texas permite que um médico solicite o seu retorno um ano após a sua licença ter sido revogada.

A licença médica de Murray na Califórnia foi suspensa desde janeiro. Em Las Vegas, onde Murray atende em outra clínica e onde conheceu Jackson, o médico provalvelmente terá sua licença médica revogada, como resultado de sua condenação.

Anthony McCartney, AP – Escritor de Entretenimento
Ana Rosa Jackson
Ana Rosa Jackson
Thriller
Thriller

Feminino Mensagens : 704
Idade : 59
Localização : Lauro de Freitas / Bahia

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum